- Tahgarelando com Tatah Lira.: Nutrição - na saúde e na doença

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Nutrição - na saúde e na doença

Eu não vou criar uma tag de profissões, vou apenas falar da minha escolha e como eu cheguei até ela.
Nutrição (no meu conceito): É a ciência que analisa e estuda a relação alimentação/saúde. 
Ao contrário do que muitos pensam (até eu mesma, antes de entrar na faculdade), nutrição NÃO estuda os alimentos. Estudamos o organismo humano e o seu funcionamento para entender como os nutrientes são necessários nos processos que mantém o bom funcionamento do nosso corpo. O alimento é apenas um meio de se obter os nutrientes. Nós NÃO aprendemos a cozinhar, e sim desenvolvemos preparações que visam manter a saúde do indivíduo mesmo em meio a adversidades, como uma receita de leite condensado para diabéticos.
O profissional nutricionista deve atuar na promoção, manutenção e recuperação da saúde e prevenção de doenças. Exercendo essa função o profissional da nutrição pode atuar em diversos locais, como: hospital, clínica, restaurante, creche, escola, indústrias de alimentos, spa, entre outros.
Por que eu escolhi nutrição?
Eu sempre gostei muito de biologia, com isso já sabia que a minha área de atuação seria a saúde. Primeiramente pensei em fazer faculdade de biologia, acabei desistindo antes mesmo de tentar quando soube que às vezes rolam umas aulas no mangue, essas coisas! Então, fui olhar as profissões da área de saúde e a que mais me agradou foi a nutrição. Fiz o vestibular muito segura da minha escolha e adoro o meu curso!
Quais os principais desafios da minha (futura) profissão?
Em primeiro lugar, o reconhecimento. A maior parte das pessoas não sabe a função do nutricionista, pensam que serve só para a estética e/ou para tratar de doenças crônicas, como a obesidade e a hipertensão. O nutricionista é muito mais que isso, e nossa principal ação deveria ser preventiva. Um outro agravante é que se alimentar de maneira inadequada não gera consequências rapidamente. Como assim? Ninguém desenvolve uma doença crônica de um dia para o outro e nossa geração preza pelo imediatismo. Se você tem um problema nutricional, prefere tomar um remédio por que é mais rápido e não quer mudar seus hábitos alimentares para que isso não aconteça de novo. Nós, como nutricionistas, tentamos virar o jogo e fazer uma reeducação alimentar para que esse problema seja controlado ou não apareça mais. O médico é o profissional maior dentro da área de saúde e por isso as pessoas acabam supervalorizando eles. Não é errado procurar um médico, mas em alguns casos eles meio que invadem o espaço do nutricionista, médicos não podem passar dietas, assim como os nutricionistas não podem receitar remédios. Cada um tem a sua importância e atuam de maneiras diferentes, temos que respeitar o espaço um do outro.

4 comentários:

Stella Valim disse...

Parabéns pela profissão escolhida, é bem útil para quem quer emagrecer e também cuidar da saúde do corpo. Confesso que n escolheria esta profissão, pq gosto de matemática, mas é uma ótima profissão '0' e o post é ótimo.
http://senhoritaliberdade.blogspot.com/

Gabi - Garotas do Século disse...

Ual que demais! Pensei seriamente em presta vestibular pra nutrição, assisti algumas palestras e percebi que realmente não é pra mim rsrs curto bastante, mas acho que não o suficiente pra ser minha profissão! Parabéns >< mtmt sucesso! Beijão

Lorenna Guerra disse...

Que legal!

Eu penso muito sobre isso, e minhas dúvidas ainda são enormes. Design, Design de Moda, Jornalismo, Publicidade e Propaganda... Mas, vou ficar com PP mesmo! Hehe

Beijos

Swla Rayssa disse...

Vou mostrar esse post às professorinhas de gestão!